Desenvolvimento da linguagem: A importância desse período

 In Notícias

Do estágio pré-linguístico às primeiras palavras, o processo de aprendizado é fundamental no desenvolvimento da linguagem desde a infância

Diretamente ligado à capacidade de raciocínio, o desenvolvimento da linguagem acontece de maneira gradativa com o passar dos anos, tanto na fala como na expressão corporal da criança. Pois a comunicação engloba uma gama de fatores os quais são responsáveis por definir o perfil da criança e sua qualidade linguística logo nos primeiros anos de vida.

O próprio choro da criança faz parte do estágio pré-linguístico do ser humano, assim sendo o bebê utiliza sons e gestos para se comunicar com a total ausência de palavras ou gramática. Somente no estágio linguístico a utilização das palavras passa ser uma constante.

Nesse sentido a amamentação é importante, pois a sucção exercita lábios, língua, bochecha e músculos da boca, contribuindo para o crescimento ósseo e respiratório harmonioso, fornecendo a base para o desenvolvimento posterior da linguagem.

Aos dez meses, os bebês imitam praticamente todos os sons que ouvem, sendo a estimulação externa um incentivo ao desenvolvimento da linguagem,  o que resulta na qualidade linguística e capacidade de raciocínio dos pequenos com o passar dos anos.

Nesse patamar se estabelece o período linguístico. Ao final do primeiro ano de vida o aparelho fonador da criança está em maturação e a mágica das primeiras palavras torna-se realidade. Aos 18 meses de vida, espera-se que a criança tenha um vocabulário de aproximadamente 50 palavras (número que dobra ao final do segundo ano), mas com características pré-linguísticas.

No período que abrange o segundo e terceiro ano de vida da criança há o estabelecimento dos primeiros fundamentos de sintaxe. Assim à preocupação com regras gramaticais na formação das primeiras frases dá-se o nome de super regularização”. Apenas aos 6 anos surgem as frases grandes, completas que seguem todas as normas impostas pelo idioma aprendido, caracterizando o ápice do desenvolvimento da linguagem.

ESTÍMULO AO ENSINO BILÍNGUE DURANTE O DESENVOLVIMENTO DA LINGUAGEM

A linguagem envolve uma rede de neurônios complexa  distribuída nas regiões cerebrais. Ao escutar, o aparelho auditivo capta os múltiplos sons de maneira simultânea em uma verdadeira explosão de frequências.

Por ser um órgão flexível e adaptável às novas informações, principalmente na infância o estímulo de um segundo idioma, por exemplo, cria a possibilidade de grande otimização de algumas zonas do cérebro as quais são utilizadas durante esse período de desenvolvimento da linguagem tornando o aprendizado mais efetivo e eficaz.

Assim sendo, não precisamos nem falar dos benefícios socioculturais de compreender outro idioma, principalmente durante a infância. Essa educação elimina a possibilidade de vícios de linguagem apresentados depois de uma certa idade, resultando em uma fala mais fluente e compreensível aos ouvidos dos estrangeiros.

A fim de alcançar a eficiência, alguns estímulos são essenciais e indispensáveis durante o período de desenvolvimento da fala: brincadeiras educacionais, músicas, rimas, poemas e incentivos literários são ótimas ferramentas para o crescimento saudável da criança.

Todos esses estímulos podem ser alcançados de maneira simples, no dia a dia da criança, tornando o processo de aprendizado e desenvolvimento da fala atraente e motivador. Quanto antes iniciar melhor, pois os primeiros anos de vida são críticos para o avanço das habilidades sensoriais, motoras, cognitivas e linguísticas.

Gostou? Conheça um pouco mais sobre o Ensino Bilíngue com metodologia canadense da Maple Bear Curitiba.

Recommended Posts

Leave a Comment